O Blog passou a ser o site oficial do Pedra. O endereço continua o mesmo - www.pedraonline.com.br.
Se você não conhece a banda leia e ouça aqui que Pedra é essa...
http://www.pedraonline.com.br/2012/12/pedra.html

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Pedra - Faixa a Faixa - Curiosidades - "Meu Mundo é Seu"

Pedra - Faixa a Faixa - Curiosidades - "Meu Mundo é Seu"
Breves comentários para quem quer um pouco mais




“Meu mundo é seu” foi composta no violão de nylon em 11 de novembro de 2000 na cidade de Mogi Guaçú, numa das muitas viagens que fiz quando integrava a Patrulha do Espaço. No dia seguinte ao show acordei mais cedo que o resto da banda, e saí para dar uma volta pelas redondezas do hotel no qual estávamos hospedados. Pensei em levar o violão, pois quem sabe não pintasse alguma idéia. Escolhi uma colina, sentei a sombra de uma árvore e fiquei dedilhando algumas coisas, e então surgiu o embrião da música. Posteriormente a concluí com uma melodia principal, que tornaría-se a melodia da voz. Inicialmente era pra ser uma música instrumental, apelidei-a de “Flor de hortelã”. Oito anos depois, já no Pedra, apresentei-a pra banda que gostou. Entrou para o repertório do novo disco, que seria “Pedra II”. Não conseguia escrever a letra, que acabou sendo escrita pelo Xando, e que remete a um relacionamento, lembrando uma declaração. Na gravação contamos na percussão com a participação especialíssima do amigo Daniel Santiago, o “San”, hoje integrante do grupo “Sambô”. O Xando sugeriu uma pequena mudança na melodia de voz, que ao meu ver a engrandeceu muito. A sonoridade é MPB, e me lembra em alguns momentos algo como “Mulheres de Atenas”, de Chico Buarque.
(Rodrigo Hid)
 
Nota : A idéia inicial da letra era uma declaração solitária de um amor platônico. Algo que nunca se consumará. Mesmo assim alguns trechos tem endereço certo e a destinatária a recebeu aqui em casa mesmo.
(Xando Zupo)



MEU MUNDO É SEU
Música: Rodrigo Hid
Letra: Xando Zupo


Quando a gente se esbarra na esquina
Que me importa na vida, tanto faz
Se cada minuto é um segundo, se eu queria ter sido do mundo
Meu mundo é seu, mesmo se eu não quiser

Se pros teus olhos não sei mentir,
não vai dar pra te encarar
E mesmo que a vida inteira passar
Meu mundo é seu, mesmo se eu não quiser

Quando a gente se esbarra na esquina
Que me importa na vida, tanto faz
Se cada minuto é um segundo, se eu queria ter sido do mundo
Meu mundo é seu, mesmo se eu não quiser

Meu mundo é seu, enquanto eu puder

Nenhum comentário:

Postar um comentário